Caminhe com os mortos

Versão na Língua Inglesa

Caminhe com os mortos
Estás sozinho nesta perturbadora noite de silêncio
Teus olhos vasculhando tudo ao teu redor
Tentando penetrar no muro de fumaça
Sabes que eles estão lá

O terror de toda uma vida foi despertado
As piores lembranças de uma geração amaldiçoada
Procurando por uma vítima inocente

Relâmpagos caem muito perto de teu esconderijo
O vento sopra teu nome
A lua é um círculo escarlate
Sabes que eles estão lá

Caminharás com os mortos esta noite
Através das terras dos endemoninhados
Até alcançar o rio do sofrimento eterno

Vozes inumanas são ouvidas ao teu redor
Sombras malignas vagam
Mãos geladas o querem
Sabes que eles estão lá

Caminharás com os mortos esta noite
Através das nuvens do desespero
Até atingir os portões do Inferno

O horripilante sussurro da morte invade teus ouvidos
Paralisando-te com o terrível beijo da dor
Caminhe com os mortos esta noite

©2004 Eduardo Magela Rodrigues