Página Inicial | Versão na Língua Inglesa

Alguém

Essa fome por um verdadeiro amor me inunda
Estou submergindo lentamente na minha falta de fé
e não sei quanto tempo tenho antes de me afogar
Quem me salvará quando eu afundar?
Não posso aprender a nadar sozinho

Estes sentimentos que tenho guardado me derrubam
Estou deslizando para o fundo de minhas fragéis esperanças
e não sei se conseguirei me erguer
Quem me segurará quando eu cair?
Não posso aprender a voar sozinho

Este esperar incerto por alguém me queima
Estou sendo consumido pelo meu coração perdido
e não sei se resistirei a outra decepção
Quem me resgatará do fogo?
Não posso aprender a fazê-lo sozinho

Preciso de alguém que me encontre em meu esconderijo distante
e me reviva
que junte meus pedaços espalhados pelo solo e me reconstrua
que trate as cicatrizes de uma antiga ferida e me cure
que toque minha alma do modo que preciso sentir e me faça amar
novamente

© 2005 Eduardo Magela Rodrigues

Página Inicial | Versão na Língua Inglesa