Perda

Versão na Língua Inglesa

Um corpo morto jazendo sobre o chão
A pálida cor da morte através das sombras da noite
O silêncio de uma existência findada evaporando no ar sombrio
Perdi-te para sempre

Toda a tua doçura selada dentro de um túmulo
Toda a tua beleza condenada à putrefação
Toda a tua delicadeza perdida debaixo da terra
Perdi-te para sempre

Meus braços esticados sobre tua lápide
Meu coração afundando nas lembranças tuas
Minha alma vagando só pelo cemitério
Perdi-te para sempre

Por que me abandonaste se minha vida existia através da tua?
Como meus pulmões funcionarão se era teu amor que eu respirava?
Como minhas pernas caminharão se eram tuas mãos que me guiavam?
Perdi-te para sempre

©2005 Eduardo Magela Rodrigues